Quinta-feira, 17 de Abril de 2008

*A espera...




Não contes horas nem dias…

 

Tudo a seu tempo virá…

 

Olha a natureza e espera.

 

O que tiver que ser…

 

Será.

 


 

|)’’()

| Ö,)

|),”

|

 

Publicado por... Cöllyßry às 02:08

Link do Pensamento | Adicionar aos favoritos
partilhar
De V.A.D. a 17 de Abril de 2008 às 02:37
Não adianta ânsia nem pressa
Sucedendo-se, os dias passam iguais
Não temos o controlo, somos meros mortais
Acaba uma hora, outra começa...

Desejo-te horas de serenidade, amiga!

Um beijo e um enormeeeeeeeeeee sorriso... :-)
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



.*sobre mim

.Pensamentos_recentes

. A lágrima...

. A perfeição...

. Caminho...

. Amor alheio...

. O amor...

. Se...

. Junta amigos e...

. O sorriso...

. A consciência...

. Há aqueles que amam...

. Pensamentos...

. Voz da consciência...

. A vida...

. Sofrimento...

. Pegadas na areia...

. Reflexo do passado...

. Natal...

. Seara produtiva...

. A verdade ...

. Grito da revolta...

. Há que ter coragem...

. Fraternidade...

. A vontade do ser...

. Absurdo...

. Obstáculos...

.pesquisar

 

.Arquivo

.subscrever feeds

blogs SAPO